Cristãos vivendo enganados

Cristãos Vivendo Enganados - Conexão Eclésia
Compartilhe 😉Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest

Quantos estão na igreja insatisfeitos com sua vida de fé. Nos seus corações, lá no fundo, há um sentimento de que ainda falta algo. Quando receberam Jesus, tudo pareceu completo, mas, com o passar do tempo, novamente reacendeu uma impressão de que ainda está faltando alguma coisa.

Essa situação acontece porque Cristo, quando entrou na vida do convertido, perdoou seus pecados, o libertou de vícios, restaurou sua comunhão com Deus e o tornou participante do Espírito Santo, enfim, fez coisas maravilhosas, mas isso foi só o começo, o novo nascimento espiritual. Será que agora só resta esperar o Senhor chamar para o encontro com ele nos ares (1Ts 4.13-18)?

“… DESENVOLVEI A VOSSA SALVAÇÃO com temor e tremor” (Filipenses 2:12b)

Se creio que estou salvo conservando minha fidelidade ao Senhor, que história é essa de desenvolver a salvação? Já estou salvo e não preciso fazer mais nada!

“Ele nos LIBERTOU do império das trevas e nos TRANSPORTOU para o reino do Filho do seu amor” (Colossenses 1:13)

Antes de recebermos Jesus como Senhor e Salvador, vivíamos espiritualmente num lugar chamado império das trevas. Em Cristo, renascemos em outro lugar chamado reino de Deus ou reino do Filho. Assim como nascemos na Terra e precisamos aprender a viver no mundo físico, no novo nascimento espiritual, precisamos aprender a viver no novo mundo espiritual, o reino do Filho.

Neste novo país espiritual, precisamos aprender sua língua, a convivência com sua sociedade, conhecer e obedecer a sua Constituição etc. Contudo, só alcançaremos sucesso, se vivermos espiritualmente seguindo as normas do reino de Deus.

Pois o amor de Cristo nos constrange, julgando nós isto: um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos, para que os que vivem NÃO VIVAM MAIS PARA SI MESMOS, MAS PARA AQUELE QUE POR ELES MORREU E RESSUSCITOU (2 Coríntios 5:14,15).

O cristão verdadeiro não vive mais para si mesmo, pois o rei Jesus dirige sua vida em tudo. Caso um irmão não viva exclusivamente para Cristo, buscando ser semelhante a ele, ouvindo sua voz e obedecendo-o em tudo, poderá, no máximo, viver uma vida cristã religiosa e, com o tempo, se frustrará. Por isso existem muitos desviados e vários mortos nas congregações chamadas cristãs (Apocalipse 3.1).

Avalie se você está moldando sua vida para alcançar seus planos pessoais, ou está desenvolvendo sua salvação, ouvindo e sujeitando-se ao Senhor, que morreu e ressuscitou por você?

Ainda há tempo para arrependimento e experimentar uma vida cristã tremendamente alegre e frutífera!

Texto extraído da página Meditações com autorização do autor. Clique e confira o original.

Compartilhe 😉Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest