O meu sonho de igreja

Compartilhe 😉Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest

Escrevo aos que sonham com uma igreja diferente, uma igreja santa e pura e que satisfaça o coração de Jesus.

Sonhar não é pecado. É imperioso que sonhemos. Mas não os sonhos produtos das preocupações dos dias de lutas, nem os sonhos produto dos desejos de nossos corações desesperadamente corruptos. Eu me refiro aos sonhos que o Espírito Santo coloca em nossos corações santificados, como colocou no coração de José, ou como Jacó que sonhou com a escada/casa, ou com os sonhos que José esposo de Maria, teve, guiando-o para um lugar de habitação e proteção para Jesus, seu filho adotado.

Sonho com uma igreja que ouça do Senhor aquilo que Jesus ouviu do Pai: Em Ti tenho todo o meu prazer. Uma igreja onde a verdadeira comunhão no Espírito Santo seja o que nos une e o que nos anima dia a dia.

Sonho com uma igreja que reflita a glória de Deus em profundidade e simplicidade, numa luz ofuscante que apague todas as luzes do conhecimento humano. Uma igreja que tenha compaixão pelo pobre e substitua seus grandes projetos de crescimento por projetos de atendimento aos órfãos. Quero e espero ver uma igreja que esteja ansiosa pela vinda do Cordeiro, aguardando-o como noiva amada. Espero ver, nos meus dias, uma igreja cheia da graça poderosa que transforma todo aquele que dela se aproxima com coração quebrantado. Uma igreja que tenha fronteiras claras e definidas em relação ao mundo. Uma igreja que não tenha plano de carreira, mas que ensine seus filhos a serem servos dedicados uns dos outros e, acima de tudo, do Deus vivo, nosso Senhor Jesus.

Essa igreja vai existir. Aliás, ela existe. Existe manchada pelas lutas e pecados cometidos por homens corruptos e corruptores que ainda estão em seu seio, alimentando-se do sangue dos santos. Ela está aí, adolescente inexperiente, sendo guiada aos desvios por homens que não têm compromisso com o Senhor, nem com sua verdade. Mas, louvado seja o nome do Compassivo, ele vai limpar e purificar essa igreja. Vai assentar-se como ourives que se assenta para purificar o ouro e a prata. Vamos ser limpos!

O Espírito Santo, de repente, virá ao seu santo templo, o mensageiro da Aliança virá e conduzirá seu rebanho aos lugares altos. Precisamos sair ao seu encontro. Precisamos deixar Ur, cidade humana, e morar em tendas. Precisamos sair do arraial para encontrar com Jesus; ali ele falará conosco e nos conduzirá aos pastos verdejantes, livres de toda praga.

Ele nos convida a deixar os lugares seguros e previsíveis pelos quais nossos pais andaram. Ele nos convida a caminhar por fé por caminhos nunca antes andados, a navegar por “mares nunca dantes navegados”.

Devemos ter todo cuidado para não levarmos conosco Terá, que nos prende as origens humanas, ou Ló, que nos oferece uma lembrança de como éramos e de onde saímos. Temos que deixar os costumes mortos enterrarem seus próprios mortos. Não podemos olhar para trás, tentando guardar na mente imagens que nos permitem reconstruir o que estamos deixando. Temos que nos arriscar a entrar no barco com Jesus para enfrentar as tempestades e as tormentas da nossa insegurança infiel. Certamente ele nos levará seguros ao porto da comunhão, longe das estruturas humanas.

Precisamos voltar para o ambiente da comunhão, para o lugar onde se come junto e se compartilha a vida, para esperarmos a descida do Espírito Santo. Precisamos voltar para o cenáculo, que não é um lugar místico, nem religioso, mas um lugar de comunhão. Sair das estruturas previsíveis e engessadoras e caminhar para um lugar (atitude) de completa dependência do Espírito Santo.

Sonho com um tempo em que nossas casas serão o lugar do repouso do Senhor e um lugar onde as pessoas se encontram com ele. Essas casas serão uma igreja em cada rua das cidades. Igrejas onde os maridos serão pastores de suas famílias e, sendo fiéis ao cuidar de um pequeno rebanho, terão a confiança do Senhor e ele acrescenta os vizinhos que irá salvar.

Jamê Nobre

Extraído de www.proide.org.br

Compartilhe 😉Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest